Freud:

– Não nobre deputado. Mamar nas tetas do governo não pode ser justificado pela sua fase fálica mal resolvida.

Anúncios